DOCG Barbaresco

Barbaresco



























É uma das 17 DOCG (Denominazione de Origine Controlata e Garantita) do Piemonte (74 na Itália), situada ao norte da cidade de Alba, no Langhe, com uma área de 700 hectares de vinhedos e produção de 4 milhões de garrafas, englobando quatro comunas: Barbaresco, Neive, Treiso e San Rocco Seno d’Elvio (Alba).


Sua área geológica situa-se no Langhe, região formada a 70 milhões de anos atrás, no período Terciário (Cenozócio), e nos sucessivos avanços e recuos do mar sobre a Planura Padana ao longo das eras (que deixou um grande deposito de cálcio),  até culminar na formação de suas colinas sedimentares (20 a 10 milhões de anos), constituídas principalmente de solos Serravalian (mais antigos, vermelhos, compostos de Marga, Arenito, Calcário, Ferro e Fosforo- Vale de Serralunga) e solos Tortonian (mais novos, cinzas azulados, compostos de Argila, Marga, Arenito, Calcário, Manganês e Magnésio- Vale Central de La Morra e Barbaresco).


O cultivo de Nebbiolo e produção de vinhos nesta região é muito antiga, e o nome de Barbaresco deriva de Barbaritium, nome dado pelos romanos ao local de selva impenetrável e seu povo bárbaro (Liguro-Gauleses), e que segundo as lendas já produzia um excelente vinho (Barbaritium).

 

O Barbaresco como vinho atual remonta a 1894 quando o Prof. Domizio Cavazza implantou um Consorcio (Cooperativa) em Barbaresco, com a finalidade de delinear uma qualidade mínima para os vinhos de Barbaresco. Em 1933 foi delimitado o território de Barbaresco, em 1966 foi uma das primeiras DOC e em 1980 novamente uma das primeiras DOCG.

 

Os vinhos de Barbarescos são exclusivamente de uvas Nebbiolo, de vinhedos plantados até 550 m de altitude, com exposição Oeste/Sudoeste/Sul/Sudeste e Leste, com rendimento máximo de 8 t/ha; não sendo permitido vinhedos de exposição Norte, vinhedos estes que são direcionados ao plantio de Barbera e Dolcetto.

 

O Barbaresco tem de ser envelhecido por pelo menos dois anos e os reservas por quatro anos, ambos com pelo menos 9 meses de amadurecimento em madeira.

Normalmente são amadurecidos em Botti de carvalho de variadas dimensões e também uma parte em barricas de carvalho, dependendo do estilo que o produtor que dar ao seu vinho.

 

A tipicidade do Barbaresco é dada por sua cor intensa e brilhante, que varia do vermelho rubi ao granada desbotado; aromas etéreos e buquê estimulante com frutas vermelhas, gerânio, violetas e rosas; além de notas de pimenta verde, canela, noz moscada, feno, madeira, avelã torrada, alcatrão e aniz.

 

Normalmente está no seu melhor a partir de 5 anos, mas alguns só atingem seu auge com 15, 20 anos ou mais.

É recomendado nos mais novos aerar por uma a quatro horas, dependendo da estrutura e nos mais velhos decantar para retirada das borras.

 

Na DOCG Barbaresco podemos destacar de maneira genérica:

 

1) Área de Barbaresco- 25 MGA (Menzione Geografiche Aggiuntive)

Asili, Ca'Grossa, Cars, Cavanna, Cole, Faset, Martinenga, Montaribaldi, Montefico, Montestefano, Muncagota, Ovello, Pajé, Pora, Rabajá, Rabaja-Bas, Rio Sordo, Roccalini, Roncaglie, Roncagliette, Ronchi, Secondine, Tre Stelle, Trifolera e Vicenziana

 

-Solo Tortonian, com 3 sub-regiões:

- Vinhedos mais perto do rio Tanaro, com exposição Oeste/Sudoeste e mais baixos- Vinhos frutados, macios, sutis, menos estrutura. Janela ideal de consumo de 5 a 10 anos.

- Vinhedos no topo, com exposição Oeste/Sudoeste- Vinhos estruturados, viris e elegantes, com boa carga tânica. Janela de consumo de 10 a 20 anos.

- Vinhedos no topo com exposição Leste/Sudeste/Sul- Vinhos estruturados, Tânicos, Poderosos. Janela de consumo de 10 a 20 anos.

 

2) Área de Neive- 20 MGA

Albesani, Balluri, Basarin, Bordini, Bricco di Neive, Bric Micca, Canova, Cottà, Currà, Fausoni, Gaia-Principe, Gallina, Marcorino, Rivetti, San Cristoforo, San Giuliano, Serraboella, Serracapelli, Serragrilli e Starderi.

 

- Solos Tortonian e uma pequena faixa de Solos Serravalian, com 3 sub-regiões:

- Vinhedos em solos Tortonian com exposição a Oeste/Sudoeste- Vinhos estruturados, viris e elegantes, com boa carga tânica. Janela de consumo de 10 a 20 anos.

- Vinhedos em solos Tortonian com exposição Sudeste/Sul- Vinhos estruturados, Tânicos, Poderosos. Janela de consumo de 10 a 20 anos.

- Vinhedos em solos Serravalian, no topo com exposição Oeste, Sudoeste, Sul, Sudeste e Leste- Vinhos estruturados, Tanicos, Poderosos. Janela de consumo 10 a 30 anos.

 

3) Área de Treiso- 17 MGA

Ausario, Bernadot, Bricco di Treiso, Casot, Castellizzano, Ferrere, Garassino, Giacone, Giacosa, Manzola, Marcarini, Nervo,  Pajoré, Rombone, San Stunet, Valeirano e Vallegrande.

 

- Solo Tortonian, com 3 sub-regiões:

- Vinhedos mais perto do rio Tanaro, com exposições Oeste/Sudoeste e mais baixos- Vinhos frutados, macios, sutis, menos estrutura. Janela de consumo de 5 a 10 anos.

- Vinhedos no topo, com exposição Oeste/Sudoeste/Sul- Vinhos estruturados, sutis, elegantes e refinados. Janela de consumo de 10 a 20 anos.

- Vinhedos no topo com exposição Leste/Sudeste- Vinhos estruturados, viris, elegantes. Janela de consumo de 10 a 20 anos.

 

4) Área de San Rocco Seno d’Elvio- 4 MGA.

Meruzzano, Montersino, Rizzi e Rocche Massalupo.

 

- Solo Tortonian.

- Vinhedos com exposições Sul/Sudoeste e mais baixos- Vinhos frutados, macios, sutis, menos estrutura. Janela de consumo de 5 a 10 anos.

 

Degustação Crus de Barbaresco- Neive

Enopira- 06/04/2017

Vinhos apresentados:

 

1-      Sottimano Barbaresco Fausoni 2012

Produtor- Az.Agr.Sottimano- Neive- Piemonte- Itália.

Castas- 100% Nebbiolo de vignetto Fausoni (45 anos)

Teor alcoólico- 14,5%

Amadurecimento- 18 a 22 meses em barricas (15% novas) de carvalho francês.

Preço- R$ 600,00

Serviço-  Decantado por duas horas e servido a 16º C

Excelente vinho, nariz muito agradável com um elegante floral (rosas), na boca mostrou-se muito equilibrado, sutil, elegante, com nota minerais, terrosas, taninos finíssimos, cereja, pitanga, tostado, chocolate e excelente retrogosto. Nota 94

 

2-      Sottimano Barbaresco Cottá 2012

Produtor- Az.Agr.Sottimano- Neive- Piemonte- Itália.

Castas- 100% Nebbiolo de vignetto Cottá (50 a 70 anos)

Teor alcoólico- 14%

Amadurecimento- 18 a 22 meses em barricas (15% novas) de carvalho francês.

Preço- R$ 600,00

Serviço-  Decantado por duas horas e servido a 16º C

Muito bom vinho, num perfil mais austero e rustico, notas terrosas, taninos mais duros, cereja, especiarias, chocolate e muito bom retrogosto. Nota 92

 

3-      Sottimano Barbaresco Currá 2011

Produtor- Az.Agr.Sottimano- Neive- Piemonte- Itália.

Castas- 100% Nebbiolo de vignetto Cottá (55 a 75 anos)

Teor alcoólico- 14%

Amadurecimento- 18 a 22 meses em barricas (15% novas) de carvalho francês.

Preço- R$ 700,00

Serviço-  Decantado por duas horas e servido a 16º C

Excelente vinho, muito equilibrado, estruturado, taninos finos, viril, cereja, chocolate, menta, especiarias e muito bom retrogosto. Nota 93

 

4-      Dante Rivetti Barbaresco Bricco de Neueis Riserva 1988

Produtor- Az.Agr.Dante Rivetti- Neive- Piemonte- Itália

Castas- 100% Nebbiolo de Vignetto Bricco de Neive

Teor alcoólico- 13,5%

Amadurecimento- 36 meses em botti de carvalho da Slavonia e uma pequena parte em barricas de carvalho francês.

Preço- R$ 600,00

Serviço-  Decantado e servido a 18º C

Nariz já mostrando evolução, com sous bois, chá de frutas vermelhas, manjericão, caixa de cigarro, corpo médio, kirsch, salvia e bom retrogosto; já decaindo. Nota 91

 

5-      Dante Rivetti Barbaresco Bricco de Neive Riserva 1989

Produtor- Az.Agr.Dante Rivetti- Neive- Piemonte- Itália

Castas- 100% Nebbiolo de Vignetto Bricco de Neive

Teor alcoólico- 13,5%

Amadurecimento- 36 meses em botti de carvalho da Slavonia e uma pequena parte em barricas de carvalho francês.

Preço- R$ 600,00

Serviço-  Decantado e servido a 18º C

Muito mais vivaz que o anterior, nariz com sous bois, pelica, notas de rosas, bom corpo, boa estrutura, boa acidez, sutil, elegante, frutas vermelhas em geleia, menta, muito bom retrogosto; no auge. Nota 93+

 

6-      La Spinetta Barbaresco Starderi 2004

Produtor- La Spinetta- Castagnole Lanze- Piemonte- Itália

Castas- 100% Nebbiolo de Vigneto Starderi

Teor alcoólico- 14,5%

Amadurecimento- 20 a 22 meses em barricas de carvalho francês.

Preço- R$ 1.500,00

Serviço-  Decantado por uma horas e servido a 16º C

Nariz exuberante e excelente com funghi porcini, na boca mostrou um pouco moderno demais, com leve dulçor, frutas sobre maturadas, rapadura, chocolate, funghi e muito bom retrogosto. Não evoluiu bem no decanter. Nota 92+

 

7-      La Spinetta Barbaresco Gallina 2004

Produtor- La Spinetta- Castagnole Lanze- Piemonte- Itália

Castas- 100% Nebbiolo de Vigneto Gallina

Teor alcoólico- 14,5%

Amadurecimento- 20 a 22 meses em barricas de carvalho francês.

Preço- R$ 1.500,00

Serviço-  Decantado por uma hora e servido a 16º C

Excelente vinho, nariz exuberante e complexo com couro, alcatrão, rosas e leve cocada preta.

Na boca se mostrou encorpado, estruturado, muito equilibrado, viril, harmônico, numa bela junção do moderno e o tradicional, frutas negras e vermelhas, boa acidez, taninos finíssimos, chocolate, especiarias, alcatrão, lembrando mais um barolo que um barbaresco, excelente retrogosto. Já pronto, mas evoluiu muito bem no decanter. No auge. Nota 95

 

Para o jantar tivemos um Pappardelle com Brasato/Stracotto de paleta bovina ao Barbaresco, com chocolate, ameixa, menta e pimenta verde; engrandeceu todos os vinhos.

 

Assim terminamos nossa série de MGA (Menzione Geografiche Agiuntive) de Barbaresco, próxima etapa MGA de Barolo.


Barbaresco_cru_neive





























Degustação de Barbaresco- Crus de Treiso

Enopira- 24/11/2016

Vinhos apresentados:

1-      Pertinace Barbaresco Marcarini DOCG 2012

Produtor- Cantina Vignaioli Elvio Pertinace- Treiso- Piemonte- Itália

Casta- 100% Nebbiolo

Teor alcoólico- 14%

Amadurecimento- 12 meses em botti de carvalho da Slavonia e em barricas de carvalho francês.

Preço- R$ 350,00

Serviço- Decantado por uma hora e servido a 18º C

Sem grande evolução no Decanter.

Nariz típico com frutas vermelhas e leve alcatrão.

Muito bom vinho, boa acidez, frutado, pimenta, taninos finos, leve rusticidade, notas terrosas e leve alcatrão, muito bom retrogosto. Nota 91

 

2-      Ca del Baio Barbaresco Valgrande DOCG 2010

Produtor- Giulio Grasso (Ca’del Baio0- Treiso- Piemonte- Itália

Casta- 100% Nebbiolo

Teor alcoólico- 14%

Amadurecimento- 30 meses em botti de carvalho da Slavonia

Preço- R$ 400,00

Serviço- Decantado por duas horas e servido a 18º C

Melhorou muito com o Decanter.

Nariz típico e mais complexo, frutas vermelhas, rosas, alcatrão, leve sous bois, funghi.

Muito bom vinho, estruturado, muito equilibrado, taninos finos, boa acidez, frutas vermelhas, funghi, leve alcatrão e excelente retrogosto. Nota 92

 

3-      Piero Busso Barbaresco San Stunet DOCG 2009

Produtor- Piero Busso- Neive- Cuneo- Piemonte- Itália.

Castas-100% Nebbiolo do vigneto San Stunet (S.Stefanetto) em Treiso

Teor alcoólico- 14,5%

Amadurecimento- 18 meses, 70% em botti e 30% em barricas de carvalho

Preço- R$ 480,00

Serviço- Decantado por duas horas e servido a 18ºC

Melhorou bastante no Decanter.

Nariz típico, com floral (rosas), frutas vermelhas, alcatrão, tabaco e funghi.

Excelente vinho, muito equilibrado, viril, elegante, taninos finíssimos, boa acidez, pimenta, frutas vermelhas, kirsch, tabaco, funghi e excelente retrogosto. Nota 93+

 

4-      Rizzi Barbaresco Rizzi Boito DOCG 2007

Produtor- Azienda Vitivinicola Rizzi- Treiso- Piemonte- Itália

Casta- 100% Nebbiolo

Teor alcoólico- 14%

Amadurecimento- 20 meses em botti de carvalho da Slavonia.

Preço- R$ 350,00

Serviço- Aberto uma hora antes e servido a 18º C

Sem evolução na taça.

Nariz típico, frutado, pimenta e leve aceto balsâmico.

Bom vinho, mais simples, frutado, redondo, muito equilibrado, frutas vermelhas em geleia, pimenta e muito bom retrogosto. Nota 89

 

5-      Pertinace Barbaresco Nervo DOCG 2012

Produtor- Cantina Vignaioli Elvio Pertinace- Treiso- Piemonte- Itália

Casta- 100% Nebbiolo

Teor alcoólico- 14%

Amadurecimento-12 meses em botti de carvalho da Slavonia e barril de carvalho francês.

Preço- R$ 350,00

Serviço- Decantado por duas horas e servido a 18º C

Melhorou muito no Decanter.

Nariz típico e complexo, funghi, tabaco, alcatrão, frutas vermelhas, floral.

Muito bom vinho, viril, estruturado, taninos finos, leve rusticidade, pitanga, pimenta, tabaco, salvia e muito bom retrogosto. Nota 92

 

6-      Pio Cesari Barbaresco Bricco di Treiso DOCG 2009

Produtor- Pio Cesare- Alba- Piemonte- Itália

Casta- 100% Nebbiolo

Teor alcoólico- 14,5%

Amadurecimento- 30 meses, 70% em barricas novas e 30% em botti de carvalho francês.

Preço- R$ 900,00

Serviço- Decantado por duas horas e servido a 18º C

Sem grande evolução no Decanter.

Nariz exuberante, mas sem tipicidade, amadeirado, toffe, leve baunilha, frutas vermelhas e pretas.

Muito bom vinho, num perfil mais moderno, estruturado, muito equilibrado, redondo, taninos finíssimos, frutas maduras, tostado, toffe, cacau e muito bom retrogosto. Nota 92+


Cru_Treiso
























Degustação Crus de Barbaresco- Produttori del Barbaresco

Enopira- 06/10/2016

Vinhos apresentados:

1-      Barbaresco Riserva Pora DOCG 2008

Produtor- Produttori del Barbaresco- Barbaresco- Piemonte- Itália

Casta- 100% Nebbiolo

Teor alcoólico- 14,5%

Amadurecimento- 4 anos em barricas de carvalho

Preço- R$ 545,00

Serviço- Decantado por duas horas e servido a 18º C

Nariz floral (rosas), frutas vermelhas, tostado, leve alcatrão.

Corpo médio, taninos finíssimos, boa acidez, frutas vermelhas, madeira e excelente retrogosto. Nota 92

 

2-      Barbaresco Riserva Muncagota DOCG 2009

Produtor- Produttori del Barbaresco- Barbaresco- Piemonte- Itália

Casta- 100% Nebbiolo

Teor alcoólico- 14,5%

Amadurecimento- 36 meses em botti de carvalho, 12 meses em garrafa.

Preço- R$ 545,00

Serviço- Decantado por duas horas e servido a 18º C

Nariz com funghi, frutas pretas, leve alcatrão.

Encorpado, taninos finos, excelente estrutura, viril, complexo, frutado, tostado, notas terrosas, alcatrão e excelente retrogosto. Nota 93

 

3-      Barbaresco Riserva Rabajà DOCG 2009

Produtor- Produttori del Barbaresco- Barbaresco- Piemonte- Itália

Casta- 100% Nebbiolo

Teor alcoólico- 14,5%

Amadurecimento- 4 anos em barricas de carvalho

Preço- R$ 559,00

Serviço- Decantado por duas horas e servido a 18º C

Nariz floral (rosas), frutas vermelhas e pretas, funghi e leve alcatrão.

Encorpado, taninos finíssimos, boa acidez, frutado, viril, elegante, leve mineralidade, tostado, notas terrosas e excelente retrogosto. Nota 94

 

4-      Barbaresco Riserva Ovello DOCG 2008

Produtor- Produttori del Barbaresco- Barbaresco- Piemonte- Itália

Casta- 100% Nebbiolo

Teor alcoólico- 14,5%

Amadurecimento- 4 anos em barricas de carvalho

Preço- R$ 545,00

Serviço- Decantado por duas horas e servido a 18º C

Nariz floral (rosas), funghi e frutas vermelhas.

Corpo médio para encorpado, taninos finos e suaves, frutado, redondo, leve rusticidade, menor acidez, madeira sobressaindo um pouco e excelente retrogosto. Nota 92

 

5-      Barbaresco Riserva Montefico DOCG 2008

Produtor- Produttori del Barbaresco- Barbaresco- Piemonte- Itália

Casta- 100% Nebbiolo

Teor alcoólico- 14,5%

Amadurecimento- 4 anos em barricas de carvalho

Preço- R$ 545,00

Serviço- Decantado por duas horas e servido a 18º C

Nariz fechado, abrindo lentamente em frutas vermelhas e pretas e leve alcatrão.

Encorpado, excelente estrutura, viril, elegante, taninos finíssimos, boa acidez, sápido, frutas vermelhas acidas (canberrry), alcatrão, excelente retrogosto. Nota 95

 

6-      Barbaresco Riserva Montestefano DOCG 2009

Produtor- Produttori del Barbaresco- Barbaresco- Piemonte- Itália

Casta- 100% Nebbiolo

Teor alcoólico- 14,5%

Amadurecimento- 4 anos em barricas de carvalho

Preço- R$ 545,00

Serviço- Decantado por duas horas e servido a 18º C

Nariz com funghi, rosas, alcatrão, chocolate e amora.

Encorpado, viril, taninos finos, boa estrutura, frutado, menor acidez, tostado, chocolate e excelente retrogosto. Nota 92+

Cru_Barbaresco
























Enopira Road Campos do Jordão 2016- 10/09/2016- Supertoscanos

Apresentação- Bruno Vianna

Vinhos apresentados:

1-      Tignanello Toscana IGT 2012

Produtor- Antinori- Firenze- Toscana- Itália

Castas- 80% Sangiovese, 15% Cabernet Sauvignon e 5% Cabernet Franc.

Teor alcoólico- 13,5%

Amadurecimento- 12 meses em barricas de carvalho francês e húngaro.

Preço- R$ 900,00

Serviço- Decantado por duas horas e servido a 18ºC

Frutado, floral (violeta), viril, tostado, chocolate amargo, pimenta, boa acidez, excelente retrogosto. Nota 92.

Obteve 01 terceiro melhor vinho da noite, somando 1 pontos.

 

2-      Sassicaia Borgheri Sassicaia DOC 2011

Produtor- Tenuta San Guido- Castagneto Carducci- Livorno- Toscana- Itália

Castas- 85% Cabernet Sauvignon e 15% Cabernet Franc

Teor alcoólico-14%

Amadurecimento- 24 meses em barricas de carvalho francês.

Preço- R$ 2.800,00

Serviço- Decantado por duas horas e servido a 18ºC   

Excelente acidez, frutas vermelhas e pretas, menta, tomate, excelente retrogosto. Nota 93+

Obteve 01 indicação como segundo melhor vinho da noite, somando 2 pontos.

 

3-      Grattamacco Bolgheri Superiore DOC 2010

Produtor- Grattamacco- Castagneto Carducci- Toscana- Itália

Castas- 65% Cabernet Sauvignon, 20% Merlot e 15% Sangiovese

Teor alcoólico- 14%

Amadurecimento- 18 meses em barricas de carvalho francês.

Preço- R$ 620,00

Serviço- Decantado por duas horas e servido a 18ºC

Frutas maduras, leve vegetal, leve rusticidade, chocolate amargo, excelente retrogosto. Nota 91+

Obteve 01 indicação como segundo melhor vinho da noite, somando 2 pontos.

 

4-      Guado al Tasso Bolgheri Superiore DOC 2010

Produtor- Tenuta Belvedere- Bolgheri- Toscana- Itália

Castas- 55% Cabernet Sauvignon, 30% Merlot e 15% Cabernet Franc.

Teor alcoólico- 13%

Amadurecimento- 18 meses em barricas novas de carvalho francês.

Preço- R$ 1.000,00

Serviço-Decantado por duas horas e servido a 18º C

Frutado, redondo, harmônico, chocolate amargo, especiarias, excelente retrogosto. Nota 92+

Obteve 03 indicação como o terceiro melhor vinho da noite, somando 3 pontos.

 

 

5-      La Pergole Torte 2010

Produtor- Montevertine- Radda in Chianti- Siena- Toscana- Itália.

Castas- 100% Sangioveto (Sangiovese)

Teor alcoólico- 13%

Amadurecimento- 18 meses em botti de carvalho da slavonia e 6 meses em barricas Allier.

Preço- R$ 1.000,00

Serviço- Decantado por duas horas e servido a 18ºC

Corpo médio, frutado, tostado, muito bom retrogosto. Nota 90.

Possivelmente uma má garrafa, pois estava muito diferente do 2009.

 

6-      Flaccianello IGT Colli Toscana Centrale 2010

Produtor- Fontodi- Panzano in Chianti- Toscana- Itália

Castas- 100% Sangiovese

Teor alcoólico- 15%

Amadurecimento- 24 meses em barricas de carvalho Allier e Tronçais

Preço- R$ 1.000,00

Serviço- Decantado por duas horas e servido a 18ºC

Muito bom equilíbrio, frutas negras, tostado, excelente retrogosto. Nota 92

Obteve 01 indicação como o melhor vinho da noite e 04 como o terceiro melhor vinho, somando 07 pontos.

 

7-      Massa Giorgio Primo IGT Toscana 2007

Produtor- Fattoria La Massa- Panzano in Chianti- Toscana- Itália

Castas- 50% Merlot, 40% Cabernet Sauvignon e 10% Petit Verdot

Teor alcoólico- 14,5%

Amadurecimento- 18 meses em barricas novas de carvalho francês.

Preço- R$ 1.000,00

Serviço- Decantado por duas horas e servido a 18ºC

Muito equilibrado, elegante, viril, frutas vermelhas predominando, tostado, leve tabaco, excelente retrogosto. Nota 96, meu melhor vinho da noite.

Obteve 05 indicação como o melhor vinho da noite, 03 como o segundo melhor vinho e 01 como o terceiro, somando 22 pontos.

 

8-      Ornellaia Bolgheri Superiore DOC 2006

Produtor- Tenuta dell’Ornellaia- Castagneto Carducci- Toscana- itália

Castas- 51%Cabernet Sauvignon, 32%Merlot, 11%Cabernet Franc e 6%Petit Verdot

Teor alcoólico- 15%

Amadurecimento- 18 meses em barricas novas de carvalho francês.

Preço- R$ 2.500,00

Serviço- Decantado por duas horas e servido a 18ºC

Viril, frutado, tostado, chocolate, especiarias, excelente retrogosto. Nota 93

Obteve 03 indicação como o segundo melhor vinho da noite e 03 como o terceiro melhor vinho, somando 09 pontos.


9-      Sassicaia 2001

Produtor- Tenuta San Guido- Castagneto Carducci- Livorno- Toscana- Itália

Castas- 85% Cabernet Sauvignon e 15% Cabernet Franc

Teor alcoólico-14%

Amadurecimento- 22 meses em barricas (1/3 novas) de carvalho francês.

Preço- R$ 3.000,00

Serviço- Decantado por uma hora e servido a 18ºC

Viril, frutas vermelhas (pitanga, acerola), tostado, pimenta, excelente retrogosto. Nota 94+, meu terceiro melhor vinho da noite.

Obteve 06 indicações como o melhor vinho da noite, 03 como o terceiro melhor vinho e 01 como o terceiro, somando 25 pontos.

 

10-  Solaia IGT Toscana 1995

Produtor- Antinori- Firenze- Toscana- Itália

Castas- 75% Cabernet Sauvignon, 5% Cabernet Franc e 20% Sangiovese

Teor alcoólico-13%

Amadurecimento- 14 meses em barricas de carvalho Allier e Tronçais.

Preço- R$ 3.000,00

Serviço- Decantado por uma hora e servido a 18º C

Nariz com arruda.

Frutado, viril, harmônico, taninos finíssimos, especiarias, maço de cigarro, tostado, tabaco, excelente retrogosto. Nota 95, meu segundo melhor vinho da noite.

Obteve 03 indicação como o melhor vinho da noite, 04 como o segundo melhor e 02 como o terceiro, somando 19 pontos.

 

A degustação foi as claras e a votação só apontou os 03 primeiros colocados de cada participante, sendo dado 03 pontos para o primeiro melhor vinho, 02 pontos para o segundo e 01 ponto para o terceiro.

Supertoscanos_2016




























Degustação Joias de Angelo Gaja

Enopira- 10/03/2016

Vinhos apresentados:

 

1-      Gaja Barbaresco DOCG 1994 (1859)

Produtor- Gaja- Barbaresco- Cuneo- Piemonte- Itália

Castas- 100% Nebbiolo de 14 vinhedos diferentes em Barbaresco

Teor alcoólico- 13%

Amadurecimento- 12 meses em barricas de carvalho francês e 12 meses em Botti.

Preço- R$ 2.000,00

Serviço- Decantado por uma hora e servido a 18ºC

Já pronto, com cereja, alcaçuz, funghi, notas de couro, notas de rosas e leve alcatrão.

Boa acidez, corpo médio, muito bom equilíbrio, sutil e muito bom retrogosto. Nota 93

 

2-      Gaja Barbaresco DOCG 2006 (1859)

Produtor- Gaja- Barbaresco- Cuneo- Piemonte- Itália

Castas- 100% Nebbiolo de 14 vinhedos diferentes em Barbaresco.

Teor alcoólico- 14,5%

Amadurecimento- 12 meses em barricas de carvalho francês e 12 meses em Botti.

Preço- R$ 2.000,00

Serviço- Decantado por duas horas e servido a 18ºC

Mais corpo e estrutura que o anterior, notas licorosas, couro, funghi, alcaçuz e café.

Harmônico, muito bom equilíbrio e excelente retrogosto. Nota 94

 

3-      Gaja Sperss Barolo DOCG 1993 (1988)

Produtor- Gaja- Barbaresco- Cuneo- Piemonte- Itália

Castas- 100% Nebbiolo de vinhedo Sperss em Marenca-Rivette (Serralunga)

Teor alcoólico- 13,5%

Amadurecimento- 12 meses em barricas de carvalho francês e 12 meses em Botti.

Preço- R$ 2.500,00

Serviço- Decantado por uma hora e servido a 18ºC

Boa estrutura, bom corpo, boa acidez, muito bom equilíbrio, cereja, funghi, alcatrão, rosas, notas terrosas e excelente retrogosto. Nota 94+

Obteve 05 primeiro lugar, 02 segundo lugar e 03 terceiro lugar, somando 22 pontos, ficando como o segundo melhor vinho da noite.

 

4-      Gaja Sperss Langhe DOC 2004 (1996)

Produtor- Gaja- Barbaresco- Cuneo- Piemonte- Itália

Castas- 94% Nebbiolo e 6% Barbera de vinhedo Sperss em Marenca-Rivette (Serralunga)

Teor alcoólico- 14%

Amadurecimento- 12 meses em barricas de carvalho francês e 12 meses em Botti.

Preço- R$ 2.500,00

Serviço- Decantado por duas horas e servido a 18ºC

Nariz fechado e complexo, frutas negras, alcaçuz, funghi.

Encorpado, viril, harmônico, muito estruturado, excelente equilíbrio, taninos finíssimos e excelente retrogosto. Nota 96, meu terceiro melhor vinho da noite.

Obteve 02 primeiro lugar, 03 segundo lugar e 04 terceiro lugar, somando 16 pontos, ficando como o quarto melhor vinho da noite.

 

5-      Gaja Costa Russi Langhe DOC 1998 (1978)

Produtor- Gaja- Barbaresco- Cuneo- Piemonte- Itália

Castas-95% Nebbiolo e 5% Barbera de vinhedo Costa Russi em Barbaresco

Teor alcoólico- 14%

Amadurecimento- 12 meses em barricas de carvalho francês e 12 meses em Botti.

Preço- R$ 4.500,00

Serviço- Decantado por duas horas e servido a 18ºC

Vinho excepcional, no auge.

Nariz e boca muito elegante, viril, excelente equilíbrio, muito boa estrutura, frutas vermelhas e pretas, alcaçuz, alcatrão, rosas, bergamota e excelente retrogosto. Nota 97, meu segundo vinho da noite.

Obteve 02 primeiro lugar, 05 segundo lugar e 05 terceiro lugar, somando 21 pontos, ficando como o terceiro melhor vinho da noite.

 

6-      Gaja Sori Tildin Langhe DOC 1998 (1970)

Produtor- Gaja- Barbaresco- Cuneo- Piemonte- Itália

Castas-95% Nebbiolo e 5% Barbera de vinhedo Sori Tildin em Barbaresco

Teor alcoólico- 14%

Amadurecimento- 12 meses em barricas de carvalho francês e 12 meses em Botti.

Preço- R$ 4.500,00

Serviço- Decantado por duas horas e servido a 18ºC

Mais sutil e menos estruturado que o Costa Russi.

Corpo médio, muito bom equilíbrio, frutas vermelhas, alcaçuz, rosas e excelente retrogosto. Nota 94.

Obteve 02 primeiro lugar, 01 segundo lugar e 02 terceiro lugar, somando 10 pontos e ficando como o quinto melhor vinho da noite.

 

7-      Gaja Sori San Lorenzo Langhe DOC 1998 (1967)

Produtor- Gaja- Barbaresco- Cuneo- Piemonte- Itália

Castas-95% Nebbiolo e 5% Barbera de vinhedo Sori San Lorenzo em Barbaresco

Teor alcoólico- 14%

Amadurecimento- 12 meses em barricas de carvalho francês e 12 meses em Botti.

Preço- R$ 4.500,00

Serviço- Decantado por duas horas e servido a 18ºC

Vinho excepcional e que provavelmente melhorará com mais alguns anos de garrafa.

Excelente estrutura, excelente equilíbrio, muito viril e ao mesmo tempo elegante, taninos finissimos, frutas vermelhas e pretas, alcaçuz, alcatrão, rosas, couro e excelente retrogosto. Nota 97+, meu melhor vinho da noite.

Obteve 07 primeiro lugar, 05 segundo lugar e 02 terceiro lugar, somando 33 pontos, ficando como o melhor vinho da noite.

 

8-      Gaja Sori San Lorenzo Langhe DOC 2001 (1967)

Produtor- Gaja- Barbaresco- Cuneo- Piemonte- Itália

Castas-95% Nebbiolo e 5% Barbera de vinhedo Sori San Lorenzo em Barbaresco

Teor alcoólico- 14%

Amadurecimento- 12 meses em barricas de carvalho francês e 12 meses em Botti.

Preço- R$ 4.500,00

Serviço- Decantado por duas horas e servido a 18ºC

Fechado, complexo, viril, excelente acidez, nota licorosas, taninos já integrados, excelente estrutura e excelente retrogosto. Nota 95.

Obteve 02 segundo lugar e 02 terceiro lugar, somando 06 pontos, ficando como o sexto melhor vinho da noite.

 

Painel fantástico e muito equilibrado, aonde embora as percepções fossem muito parecidas, pode se observar a diversidade, as nuances e a personalidade de cada vinho, ficando cada preferência aos pontos que cada degustador mais valoriza.

 

Após a degustação foi servido Brasato al Barolo e Tri-funghi, Polenta con Mascarpone e Cipolline in agrodolce e o Cascina Ballarin Barolo Bussia 2006, que não fez feio perante os vinhos do painel e que harmonizou muito bem com a comida, visto que o Brasato foi cozido no mesmo.

 

Gaja_(2)

 

 
 
  Site Map